terça-feira, 27 de dezembro de 2011

A vida

“Já perdoei erros quase imperdoáveis, tentei substituir pessoas insubstituíveis e esquecer pessoas inesquecíveis.

Já fiz coisas por impulso, já me decepcionei com pessoas quando nunca pensei me decepcionar, mas também decepcionei alguém.

Já abracei para proteger,

Já dei risada quando não podia,

Já fiz amigos eternos, já amei  e fui amado, mas também já fui rejeitado,


Já fui amado e não soube amar,

Já gritei e pulei de tanta felicidade, já vivi de amor e fiz juras eternas, mas “quebrei a cara” muitas vezes!

Já chorei ouvindo música e vendo fotos,

Já liguei só para escutar uma voz,

Já me apaixonei por um sorriso

Já pensei que fosse morrer de tantas saudades e...
...tive medo de perder alguém especial ( e acabei perdendo )!
Mas sobrevivi!
E ainda vivo!

Não passo pela vida... E você também não deveria passar. Viva!!!
Bom mesmo é ir á luta com determinação, abraçar a vida e viver com paixão, perder com classe e vencer com ousadia, porque o mundo pertence a quem se atreve e trabalha e, principalmente,

A VIDA É MUITO PARA SER INSIGNIFICANTE!”

SK

Feliz 2012

Seja o instrumento que dará às próximas gerações
um mundo melhor.
Preserve o meio ambiente com atitudes sustentáveis

È o desejo de Salomon katz
A todos

Nello's

Aos 90 anos,
Nello abre filial

Prestes há completar 90 anos, Nello de Rossi tem um motivo a mais para comemorar neste ano.
É que, depois de 37 anos, sua cantina, a Nello’s, ganhou uma filial, na Vila Leopoldina (tel.4306-2666). Desde 2004, ele conta com seu genro, Augusto Melo, como sócio. A titular da cozinha é sua mulher Rina de Rossi.
Além de “restaurateur”, Nello é ator e produtor de cinema e já trabalhou com nomes como Roberto Rosselini. Na TV, tornou famoso o bordão publicitário:
“bonita camisa, Fernandinho!”.
E, mesmo com os reflexos do tempo, como lembranças fugidias e debilidade auditiva, ele não para de sonhar. “Estou prestes a rodar o meu próximo filme”, anuncia confiante.

Sessão de Restaurantes
Revista  Folha de São.Paulo


sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Frase



“As pessoas não são nobres desde o nascimento, mas se enobrecem através de suas ações. As pessoas não são medíocres desde o nascimento, mas tornam-se assim através de suas ações. Se existe alguma diferença entre as pessoas  então essa diferença está somente nas suas realizações.”

Daisaku Ikeda

O poder de cura dos alimentos

ACNE

Se você acha que pizza e chocolate são os vilões por trás das erupções cutâneas, é melhor repensar isso. Atualmente, acredita-se que os culpados pela acne sejam a hereditariedade e os hormônios. Durante a puberdade, um aumento nos hormônios masculinos chamados andrógenos (as mulheres também os têm) estimula a produção de sebo, responsável por manter a umidade da pele, e de queratina, necessária para o crescimento dos cabelos. Quando o excesso de um dos dois entope um folículo capilar, o resultado é a acne.
Comer uma pizza com muito queijo provavelmente não fará muita diferença na sua pele, porém comer mais frutas, legumes e outros alimentos que ajudam a equilibrar os hormônios e a combater inflamações fará, sim, uma diferença – positiva.

Sua prescrição alimentar

Castanha-do-pará
Ostra
Feijões
Aves
Peixes e outros alimentos ricos em zinco

Salmão
Linhaça e outros alimentos ricos em ácidos graxos ômega-3

Batata-doce, cenoura, melão-cantalupo, pimentão
E outros alimentos ricos em betacaroteno

Amêndoas
Ovos
Folhas verdes
E outros alimentos ricos em vitamina e

Frutas e legumes

Laranja
Tomate
Mel
E outros alimentos ricos em vitamina c

Suplementos nutricionais

Multivitamínico/mineral
Cromo

Receitas recomendadas

Mix temperado de nozes e sementes
Salada de espinafre com grão-de-bico
Salada de frutas tropical
Salada cítrica de frango
Sopa de batata-doce
Trio de três feijões com pimenta
Frango ao forno com tomates
Hambúrguer de salmão

Para descontrair......................

O ANIVERSÁRIO DE NANÁ

NANÁ, UMA SENHORA DE MUUUIIITAA IDADE, PEDE AO SEU  FILHO:
-“FILHINHO” , (O FILHINHO TEM 62 ANOS, CALCULEM A IDADE DA MÃE)
-SIM MAMÃE, DIZ O FILHO.....
-BEM, EU QUERIA FAZER UMA REUNIÃO AQUI COM AS MENINAS, SERÁ QUE VOCÊ PODERIA ME DAR UMA AJUDA?.

-CLARO MAMÃE  FIQUE TRANQUILA QUE EU ARRUMO TUDO.
-ARRUMAR O QUÊ???
-A FESTA, MÃE!
-AH SIM! JÁ TINHA ME ESQUECIDO.

A TARDE, O FILHO CHAMA A MÃE NA COZINHA E LHE MOSTRA UM PAPEL PRESO A GELADEIRA COM UMA LISTA DO QUE FAZER:

1-SERVIR CHÁ
2-SERVIR SANDUICHES
3-SERVIR MAIS CHÁ
4-SERVIR DOCINHOS

QUE BOM! DIZ A MÃE. AGORA NÃO TEREI PROBLEMAS. OBRIGADA FILHINHO.

MAIS TARDE, AS “MENINAS” CHEGAM.
NANÁ, COMO UMA ANFITRIÃ, ACOMODA AS AMIGAS NA SALA DE ESTAR E VAI ATÉ A COZINHA...
VENDO A LISTA , LÊ:
1-SERVIR CHÁ
ELA LEVA O CHÁ PARA AS AMIGAS NUMA BELA BANDEJA...
DEPOIS COMEÇAM A FALAR SOBRE OS SUCESSOS ATUAIS (LEMBRANDO DE 1930...)
PASSA-SE ALGUM TEMPO E NANÁ, JÁ MEIO NERVOSA, VAI NOVAMENTE A COZINHA E LÊ :
1-SERVIR CHÁ
E SERVE CHÁ NOVAMENTE, E ASSIM O FAZ MAIS QUATRO VEZES.
ALGUM TEMPO DEPOIS, AS “MENINAS” VÃO EMBORA.

ENQUANTO SAEM DO EDIFICIO UMA COMENTA COM OUTRA::
-NOSSA! QUE ABSURDO! QUE MÁ ANFITRIÃ É A NANÀ, NEM UM CHÁ NOS SERVIU.
E A OUTRA RESPONDE:
-NANÁ? QUE NANÀ? NEM SEI DE QUEM VOCÊ ESTÁ FALANDO.

A NOITE, O FILHO CHEGA EM CASA E ACHA ESTRANHO O FATO DE TODOS OS SANDUÍCHES E DOCINHOS  ESTAREM AINDA INTACTOS, ENTÃO PEERGUNTA A MÃE:
-MAMÃE, O QUE ACONTECEU? NÃO GOSTARAM DOS SANDUÍCHES E OS DOCINHOS?
AO QUE  A MÃE RESPONDE:
-QUE NADA!VOCÊ ACREDITA QUE ELAS NEM APARECERAM ???

MELHOR NOS REUNIRMOS AGORA ENQUANTO AINDA NOS RECONHECEMOS...

“VOCÊ É QUEM DECIDE O QUE VAI SER ETERNO EM VOCÊ, NO SEU CORAÇÃO.
DEUS NOS DÁ O DOM DE ETERNIZAR EM NÓS O QUE VALE A PENA, ESQUECER DEFINITIVAMENTE AQUILO QUE NÃO VALE..”

SK

Você sabia?

GENE PODE AUMENTAR O RISCO DE COLITE ULCERATIVA

Pesquisadores da Universidade de Toronto disseram que as pessoas com o maior número do gene RAC1 podem ter maior risco de manifestar a colite ulcerativa. A equipe do estudo também fez a pesquisa no sentido inverso e descobriu que reduzindo o número do RAC1 em animais protegia-os de desenvolver a doença inflamatória intestinal.

FONTE: Digestive Health SmartBrief
Revista Foco

Coluna do cólon

DOENÇA DE CROHN PODE TER UM EFEITO MAIOR NAS MULHERES DO QUE NOS HOMENS POR CAUSA DO ESTRESSE

A Doença de Crohn é uma doença intestinal inflamatória crônica que afeta homens e mulheres, com início geralmente entre as idades de 15 e 35.
A Doença de Crohn pode causar diarréia e constipação, e pode ser dolorosa e devastadora para a vida de alguém.

A Dra. Anita Bhushan do Mercy Medical Center disse que a Doença de Crohn pode ter um efeito maior em mulheres jovens por causa do estresse e porque elas estão em idade fértil. “Ele pode ter um impacto sobre os ciclos menstruais das mulheres, sua reprodução e até mesmo a sua sexualidade”, disse ela. “Em uma conferência recente em Chicago, houve um estudo em que eles fizeram, novamente, ver que o estresse poderia definitivamente ser um gatilho potencial de crises da doença.” A Dra. Bhushan disse algo que mudou no tratamento: o fato de que muitos especialistas estão utilizando medicamentos mais agressivos para lidar com a doença desde o início.

Fonte: American College of Gastroenterology

A riqueza do milho

UM DOS ALIMENTOS MAIS CONSUMIDOS PELOS BRASILEIROS, GRAÇAS À SUA VERSATILIDADE NAS FORMAS DE PREPARO, É TAMBÉM RIQUÍSSIMO EM NUTRIENTES E INDISPÉNSÁVEL EM UM CARDÁPIO SAUDÁVEL.

Aliado do Sistema Digestivo

Dentre as muitas propriedades do milho, o alto teor de amido e fibras é o que mais se destaca. O primeiro inibe a produção excessiva de ácidos na digestão e ajuda a proteger a parede estomacal de gastrites e úlceras. Já as fibras colaboram para o bom funcionamento do órgão e combatem a prisão de ventre, desde que consumo seja associado à ingestão de boa quantidade de líquidos.

Versatilidade à Mesa

O milho verde pode ser simplesmente cozido com espiga e tudo. Os grãos soltos tornam-se o ingrediente principal de pratos deliciosos como pamonha, curau, bolos, cuscuz e outras delícias. Além de poder ser consumido em forma de cremes e até suco.

Para Atletas

Ricos em carboidratos, que podem chegar a 20% de seu peso total, os grãos de milho são uma valiosa fonte de energia. Outro benefício é o alto teor de minerais, principalmente potássio, fósforo, magnésio e ferro, o que torna o alimento um ótimo aliado para recompor as perdas após atividades físicas. E o melhor é que chega “limpo” ao organismo, pois não contém colesterol.
Aliás, por ser rico em vitamina E, um antioxidante natural, pode reduzir a formação de placas de gordura nas artérias, já que impede a oxidação do colesterol no sangue.

Olhos Saudáveis

Por comer quantidades significativas de carotenóides, como a luteína e a zeaxantina, age
como protetor da saúde ocular. “Reduzem o risco de infecções na área dos olhos, catarata, e até mesmo cegueira, além de reforçarem o sistema imunológico e a saúde da pele”, revela a médica ortomolecular e nutróloga Tâmara Mazaracki.

Produto Industrial


Dos grãos secos é feito o fubá, empregado numa infinidade de receitas e com valor nutritivo equivalente ao grão inteiro. Já o milho de canjica, ou mungunzá, perde em fibras por não ter casca, mas é riquíssimo em ferro. Do processamento industrial dos grãos secos também se produz sêmola, flocos e amido, usados na produção de centenas de produtos alimentícios. Do milho ainda se extrai um óleo bastante nutritivo e indicado no combate ao colesterol ou para quem não pode consumir glúten (celíacos).

Diversão do Avesso

O grão trona-se ainda mais popular na versão pipoca. O tipo de milho usado para fazê-la possui uma casca mais grossa, rica em fibras e mantém a maioria dos nutrientes do grão. No entanto, o valor calórico explode junto com a pipoca, devido ao uso de óleo ou manteiga no preparo. Além disso, é preciso cuidado para não abusar nas porções.

FONTE: REVISTA SUA SAÚDE
               CONSULTORIA: TAMARA MAZARÁCKI



Entendendo os miomas uterinos

GUIA PARA PACIENTES

O QUE SÃO MIOMAS?
São tumores benignos (não cancerosos) do tecido muscular do útero. São extremamente comuns, sendo estimado que afetem uma em cada cinco mulheres em idade fértil.
Aproximadamente 20% das mulheres entre 20 e 30 anos, 30% entre 30 e 40 anos e 40% entre 40 e 50 anos apresentam miomas.

Os miomas podem apresentar variações quanto ao tamanho. Não é clara a sua causa, mas sabe-se que seu desenvolvimento depende do hormônio feminino estrógeno. Em geral, os miomas param de crescer e diminuem na menopausa, quando os níveis dos hormônios sexuais femininos estão reduzidos.

QUAIS SÃO OS SINTOMAS?
Os miomas podem não causar sintomas. Eles podem, por exemplo, ser descobertos por acaso durante um exame ginecológico de rotina.

Algumas mulheres, todavia, podem apresentar sangramento excessivo durante a menstruação ou sangramento irregular, fatos que podem levar à anemia.
Miomas de maior tamanho podem pressionar os órgãos à sua volta, como a bexiga ou o intestino, provocando sintomas como dificuldade de urinar ou, algumas vezes, necessidade de urinar frequentemente. Também pode causar certo desconforto, o que significa desde uma leve dor nas costas até fortes dores em baixo ventre.

A gravidade dos sintomas está relacionada ao tamanho, número e localização dos miomas.

Pode haver, algumas vezes, uma associação entre miomas e infertilidade (impossibilidade de engravidar). Caso você tenha miomas, deve discutir o tratamento com seu médico antes de engravidar.

QUAIS AS OPÇÕES DE TRATAMENTO?

Alívio dos sintomas

Se os miomas são pequenos e não causam desconforto, o médico poderá concluir que não há necessidade de tratamento, recomendando somente exames de acompanhamento.
Para mulheres que apresentam sintomas como dor ou sangramento menstrual excessivo, o médico poderá recomendar o uso de medicamentos somente para o controle da dor ou mesmo medicamentos que bloqueiam a atuação dos hormônios que influenciam diretamente o desenvolvimento dos miomas.

Esses medicamentos que bloqueiam os hormônios fazem com que o organismo reaja como na gravidez, interrompendo a menstruação.

Esses medicamentos atuam por várias vias e embora tragam, em geral, bons resultados e sejam bem tolerados, podem causar efeitos colaterais em algumas mulheres.


CIRURGIA
As cirurgias feitas para retirar os miomas são, em geral, a miomectomia, que é a retirada do(s) mioma(s) e a histerectomia, que é a retirada completa do útero.

Para mulheres mais jovens que queiram manter a capacidade de engravidar, a miomectomia pode ser o procedimento de escolha. Razões psicológicas podem levar as mulheres a decidir por não remover o útero, e uma vez que o útero ainda permanece intacto, existirá sempre a possibilidade de surgirem novos miomas.
A histerectomia é, com freqüência, recomendada para mulheres mais velhas que já tenham constituído família ou que não desejem ter filhos e pode ser realizada tanto por via vaginal como através do abdome, dependendo do que o médico achar mais apropriado.

Os medicamentos que bloqueiam a atuação dos hormônios podem também ser utilizados como forma de preparo para a cirurgia de retirada do(s) mioma(s).

COMO POSSO OBTER MAIS INFORMAÇÕES?
A escolha do tratamento é uma decisão importante que somente pode ser tomada pelo médico juntamente com a paciente.

FONTE: FOLDER ASTRAZENECA



Novos horizontes para a saúde na menopausa

DICAS PARA UMA VIDA SAUDÁVEL

O início de uma fase agradável e produtiva

O que é climatério?
È o período de transição entre a fase reprodutiva e a não-reprodutiva da mulher. Nessa fase, ocorrem mudanças no seu corpo provocadas pela diminuição da produção dos hormônios femininos (estrogênio e progesterona) pelo ovário.

O que é Menopausa?
É definida como a última menstruação da mulher, e geralmente ocorre entre os 48 e 52 anos. Nesse período, seu corpo sofre algumas mudanças. Você pode diminuir os efeitos
Indesejados com uma série de atitudes comportamentais e com o uso de medicamentos.


Sintomas a curto prazo -sinais de mudança

A redução dos níveis dos hormônios femininos causa alguns sintomas:

  • Fogachos – ondas de calor na face, pescoço, peito e costas;
  • Insônia e suor noturnos;
  • Sensação de cansaço e alterações de humor;
  • Secura e irritação vaginal.

O que é Terapia de Reposição Hormonal (TRH), e quais seus benefícios?
È um tratamento que visa repor os níveis de estrogênio que o organismo não é mais capaz de produzir, eliminando os sintomas em curto prazo, e protegendo você contra algumas doenças que podem surgir em longo prazo.
Através da TRH, você pode diminuir o risco de osteoporose, conservando a sua massa óssea. Pode reduzir ainda o risco de doenças cardiovasculares, diminuindo a incidência de infarto do miocárdio e dos derrames cerebrais.

Qual o tratamento mais adequado para você?
O seu médico fará uma avaliação para definir qual o tratamento mais adequado para você. Existem várias formas de tratamento de reposição hormonal:

  • Oral – comprimidos diários;
  • Injetável – aplicação sob a pele através de procedimento médico;
  • Transdérmica;
  • Adesivos – com duas trocas por semana;
  • Gel – com aplicação diária numa determinada área, dependente da quantidade e tempo de permanência em contato com a pele por determinado período para garantir a absorção adequada.

Os diversos esquemas de tratamento variam quanto ao tipo de hormônio, dias de administração e principalmente doses administradas.

A presença de eventuais efeitos colaterais no início do tratamento não significa que a TRH deva ser abandonada. Muitas vezes os efeitos desaparecem em poucos meses. Seu médico lhe orientará a respeito.

Mantenha hábitos saudáveis

  • Uma boa alimentação, rica em cálcio, carnes magras, frutas, vegetais e grãos;
  • Pratique exercícios físicos, que protegem seu coração e ossos;
  • Evite o fumo, que aumenta o risco de doenças do coração;
  • Evite ingerir bebidas alcoólicas, pois interferem na absorção do cálcio;
  • Para que os efeitos da TRH sejam mais benéficos para você, mantenha sempre hábitos saudáveis.

Consulte regularmente seu médico
Somente ele poderá dizer quando você deve iniciar a TRH, se no início, quando surgirem os primeiros sintomas, ou até alguns anos depois.
Faça um acompanhamento regular com seu ginecologista.

Fonte: folder JANSSEN-CILAG
                     FARMACÊUTICA




Elas são diferentes

FARMACÊUTICA
Investir no nosso talento para descobrir fórmulas inovadoras.

FOTÓGRAFA
Captar a essência dos melhores momentos da vida.

PAISAGISTA
Força, energia e suavidade em perfeita harmonia.

ARQUITETA
Desafiar o impossível e viver em simetria co o Universo.

ESTILISTA
Tornar a personalidade sofisticada e elegante em todas as ocasiões.

VETERINÁRIA
Admirar a vida em todas as suas formas.

NUTRICIONISTA
Compartilhar receitas de equilíbrio, saúde e bem-estar.

DECORADORA
O poder de transformar sonhos em realidade.

ATRIZ
Colocar em prática as habilidades que desenvolvemos com nossas experiências.

PROFESSORA
Ajudar a construir um futuro através do conhecimento.

MAQUIADORA
Reverenciar a beleza e realçar seus detalhes a cada dia.

ESCRITORA
Escrever cada capítulo da vida com coragem e determinação.

REPEITANDO AS NECESSIDADES DE CADA MULHER

Quanto mais observamos o universo feminino, mais notamos as diferenças que existem entre as mulheres, Mesmo que cada uma delas escolha uma profissão, elas são diferentes dentro de uma única atividade, porque afinal, seu corpo é diferente. Ainda que tenham o organismo parecido, as diferenças continuam nas fases da vida em que cada uma se encontra.

A chave da felicidades esta no seu interior

Nós reproduzimos em nosso ambiente exatamente aquilo que imaginamos na mente. Se imaginarmos a infelicidade, surgirá a infelicidade; se imaginarmos a felicidade, aparecerá a felicidade. Na verdade, residimos no reino da mente. A afirmação de que o homem é filho de Deus significa que o homem pode se tornar feliz de maneira ilimitada. Explicando melhor, todas as pessoas já residem no gratificante mundo de Deus, que é o mundo da Imagem Verdadeira (o mundo verdadeiro), e vivem a pura felicidade.
Aquele que admite essa Imagem Verdadeira e a reverencia é quem se torna feliz efetivamente.
Não nos tornamos infelizes por causa de um invasor externo denominado acidente.
A origem básica está na desarmonia mental, que atrai acidentes externos como inundação e incêndio. Em todas as situações, a mente é sempre o fator principal. Quando a mente se encontra desarmoniosa, atrai para si infelicidades e desgraças, conforme a lei que determina que “os semelhantes se atraem”.

FONTE: REVISTA SEICHO-NO-IE
DEZEMBRO DE 2011

O TEMPO E AS JABUTICABAS

(RUBEM ALVES)

‘Contei meus anos e descobri que terei menos tempo para viver daqui para frente do que já vivi até agora. Sinto-me como aquela menina que ganhou uma bacia de jabuticabas. As primeiras, ela chupou displicente, mas percebendo que faltam poucas, rói o caroço.

Já não tenho tempo para lidar com mediocridades.
Não quero estar em reuniões onde destilam egos inflados.
Não tolero gabolices. Inquieto-me com invejosos tentando destruir quem eles admiram, cobiçando seus lugares, talentos e sorte.

Já não tenho tempo para projetos megalomaníacos.
Não participarei de conferências que estabelecem prazos fixos para reverter a miséria do mundo. Não quero que me convidem para eventos de um fim de semana com a proposta de abalar o milênio.

Já não tenho tempo para reuniões intermináveis para discutir estatutos, normas, procedimentos e regimentos internos.
Já não tenho tempo para administrar os erros dos outros.
Não quero ver os ponteiros do relógio avançando em reuniões de ‘confrontação’, onde ‘tiramos fatos a limpo’.
Detesto fazer acareação de desafetos que brigaram pelo majestoso cargo de secretário geral do coral.

Lembrei-me agora de Mário de Andrade que afirmou: ‘as pessoas não debatem conteúdos, apenas rótulos’.
Meu tempo tornou-se escasso para debater rótulos, quero a essência, minha alma tem pressa...

Sem muitas jabuticabas na bacia, quero viver ao lado de gente humana, muito humana; que sabe rir de seus tropeços, não se encanta com triunfos, não se considera eleita antes da hora, não foge de sua mortalidade, defende a dignidade dos marginalizados, e deseja tão somente andar ao lado do que é justo.

Caminhar perto de coisas e pessoas de verdade, desfrutar desse amor
Absolutamente sem fraudes, nunca será perda de tempo. ’

SK

A Dieta do Humor

ÚLTIMAS DESCOBERTAS

Um estudo publicado na semana passada no “Journal of Psychopharmacology” avaliou o efeito do ômega 3 em pacientes que se recuperavam de depressão.
O trabalho, feito pela Universidade Leiden, na Holanda acompanhou 71 pessoas, que receberem suplementação de ômega 3 ou placebo por quatro semanas. Os que tomaram ômega 3 relataram melhoras no processo de tomada de decisão e do estado de tensão.
“O ômega 3 mantém a função de estruturas cerebrais”. Diz Sandra Lopes de Souza, pesquisadora em neuropsiquiatria da Universidade Federal de Pernambuco.

JÁ QUE AS PESQUISAS MOSTRAM UMA RELAÇÃO CADA VEZ MAIS ESTREITA ENTRE O QUE VOCÊ COME E O SEU HUMOR, VISITE A FEIRA (ANTES DA FÁRMACIA) PARA DAR UMA LEVANTADA GERAL NA DIETA E NO ÂNIMO.

SUPERALIMENTOS CONTRA O BAIXO-ASTRAL

Peixes de águas frias, como salmão e sardinha, têm ômega 3, que ajuda a manter a função do sistema nervoso central. O ideal são três porções por semana.

Queijo tem triptofano, que ajuda a formar serotonina, principal neurotransmissor ligado ao humor.
A porção ideal é uma fatia de queijo (quanto mais branco, menor o teor de gordura) ou um copo de leite.

O chocolate preto com altos níveis de cacau é o que mais tem triptofano e teobromina, substância que estimula a liberação de endorfina, relacionada à sensação de prazer.
Uma porção de 15 a 30 g (uma barra pequena) é suficiente.

Além de triptofano, o ovo tem colina, nutriente que faz parte das vitaminas do complexo B, importantes para o bom funcionamento do sistema nervoso.

Verduras escuras como brócolis e couve são boas fontes de ácido fólico. Também está no feijão-branco, na laranja e na soja.

O abacate, apesar de ser rejeitado em dietas em função do alto valor calórico (96 kcal em 100g), é fonte de gorduras boas e de magnésio, mineral que ajuda na produção de serotonina no cérebro. Use em cremes ou vitaminas.

A banana tem o pacote completo: boas quantidades de triptofano, minerais que ajudam na ação do nutriente e carboidratos, que fornecem energia rapidamente.

Castanha-do-pará, costanha-de-caju e outras oleaginosas são ricas em ômega 3 e minerais. A castanha-do-pará tem selênio, substância antioxidante. É calórica (643 kcal por 100 g). Duas por dia já são suficientes.

Iogurtes probióticos ajudam no funcionamento do intestino e, consequentemente, melhoram a absorção de vitaminas e minerais que têm ação no sistema nervoso central. Para ter efeito, o consumo precisa ser diário.

Aveia é boa fonte de carboidrato complexo (não é queimado rápido). Carboidratos mantêm o índice glicêmico, o que ajuda na produção de serotonina.
E lembre-se tal lista só valerá se você incluir O PRAZER AO COMER tais alimentos.

FONTE: JORNAL EQUILÍBRIO
FOLHA DE SÃO PAULO
OUTUBRO DE 2011

Oito bons presentes que não custam nada

O PRESENTE ESCUTAR...

Mas você deve realmente escutar. Sem interrupção, sem distração, sem planejar sua resposta.
Apenas escutar.

O PRESENTE AFEIÇÃO...

Seja generoso com abraços, beijo, tapinhas nas costas e aperto de mãos. Deixe estas
Pequenas ações demonstrarem o amor que você tem por família e amigos.

O PRESENTE SORRISO

Junte alguns desenhos. Compartilhe artigos e histórias engraçadas. Seu presente será dizer, “eu adoro rir com você.”

O PRESENTE BILHETINHO

Pode ser um simples bilhete de “Muito obrigado por sua ajuda” ou um soneto completo. Um breve bilhete escrito à mão pode ser lembrado pelo resto da vida, e pode mudar uma vida.

O PRESENTE ELOGIO

Um simples e sincero “Você ficou muito bem de vermelho”, “Você fez um super trabalho” ou “Que comida maravilhosa” faz o dia de alguém.

O PRESENTE FAVOR...

Todo dia, faça algo amável.

O PRESENTE SOLIDÃO...

Tem momentos em que nós não queremos nada mais do que ficar sozinhos.  Seja sensível a esses momentos e dê o presente da solidão ao outro.

O PRESENTE DISPOSIÇÃO...

A maneira mais fácil de sentir-se bem é colocar-se à disposição de alguém, e isso não é difícil de ser feito.

BETO



terça-feira, 6 de dezembro de 2011

Dicas sobre aleitamento materno


Dr. Coríntio Mariani Neto

Vantagens

Para o bebê
- o aleitamento materno é o alimento ideal, pois é completo:
Contém todos os nutrientes necessários nos primeiros 6 (seis) meses de vida, garantindo o melhor crescimento e desenvolvimento do bebê.
-protege contra doenças, principalmente diarréia, alergias e infecções (por isso, também é considerado a “primeira vacina”).
-proporciona mais segurança pela troca de carinho com a mãe, aumentando o laço afetivo entre você e a criança e fazendo o bebê se sentir amado e seguro.
- o leite materno é digerido com mais facilidade e é melhor aproveitado que o leite industrializado. Além disso, a eliminação de seus resíduos não sobrecarrega o organismo do bebê, como acontece com o leite de vaca.
-sugar o peito contribui para a criança ter dentes bonitos, desenvolver a fala e ter boa respiração.
-é limpo e não contém micróbios, pois vai direto do peito para a boca do bebê.
- está sempre prontinho e na temperatura certa.
- nenhum outro alimento é capaz de substituir o leite humano.

Para a mãe
- reduz o sangramento após o parto e as chances de desenvolver anemia.
-diminui a ocorrência de diabetes e cânceres de mama, ovário e útero.
- reduz a ocorrência de fraturas ósseas por osteoporose.

Para a família
-economia: evita gastos na compra de leite e mamadeiras, além de remédios, pois o bebê será mais saudável. Assim, seja qual for o orçamento familiar, poderá ser melhor aproveitado.

A mulher que amamenta volta mais rapidamente ao seu peso normal.

Recomendações
- o aleitamento materno ideal deve ser exclusivo e por livre demanda do bebê por 6 (seis) meses e pode ser continuado até o 2º ano de vida ou  mais, se a mãe e a criança assim o desejarem.
- o bebê só precisa ser alimentado no peito, quando e enquanto manifestar essa vontade, isto é, sem horários fixos nem para iniciar, nem para terminar cada mamada.
- não há necessidade de oferecer água, chá nem suco, mesmo nos dias mais quentes do verão. O leite materno contém todo o líquido necessário.
-após o 6° mês, outros alimentos serão introduzidos, sempre com orientação do pediatra.

Preparo das mamas
-não passe creme, sabonetes ou loções.
-não esfregue nem massageie os mamilos.
-no banho, basta enxaguá-los.
-a exposição ao ar livre e ao sol da manhã é bastante saudável e deve ser praticada sempre que possível.

Produção de leite
-não existe leite fraco: seu leite é o alimento ideal para seu bebê.
-toda mãe é capaz de produzir leite: a sua tranqüilidade é fundamental para facilitar a saída do leite.
- é a sucção do bebê que desencadeia e mantém a produção de leite, portanto, quanto mais o bebê sugar, mais leite será produzido.

O nervosismo e o medo de não ter leite dificultam a produção e a saída do leite, enquanto a calma e a confiança favorecem a amamentação.

Posições adequadas para amamentar
-lave as mãos com água e sabonete sempre que for pegar o bebê.
-escolha uma posição confortável, com apoio para seus braços, costas e pés. Travesseiros ou almofadas podem ajudar.
-coloque o bebê de frente para você. De modo que o corpo e a cabeça fiquem alinhados, e encoste o corpo dele no seu (barriga com barriga).
-observe se o queixo do bebê permanece encostado no peito.
-aconchegue seu bebê: envolva a cabeça e o corpo com seu braço, de modo que a cabeça do bebê fique apoiada na dobra do seu cotovelo.
-não há necessidade de empurrar a cabeça do bebê ao encontro do peito: isso não ajuda, podendo até atrapalhar a pega.
- o bebê dá algumas mamadas fortes, para um pouco, mama mais um pouco, para, e assim por diante.
- ao contrário do que muita gente pensa, não há necessidade de se preocupar com que as narinas do bebê estejam livres durante as mamadas. Inclusive, segurar a mama com o dedo indicador e médio (dedos em tesoura) pode até ser prejudicial, pois, dependendo da pressão exercida pelo dedo indicador, este poderá interromper o fluxo de leite nessa região. Se você quiser segurar o seio, use o polegar e o indicador, como se fosse à letra “c”.
-ao final da mamada, se o bebê não largar sozinho o peito, coloque o seu dedo mínimo suavemente no canto da boca, que ele, caso regurgite, não engasgue. Um pequeno travesseiro pode ajudar a mantê-lo nessa posição.

Para o bebê abrir bem a boca e abocanhar o mamilo e a aréola – isso é fundamental para evitar rachaduras – encoste e passe suavemente o mamilo no canto dos lábios ou na região entre a boca e o nariz.

Cólicas e sangramento
Nos primeiros dias após o parto, é comum sentir cólicas discretas e aumentar o sangramento vaginal durante as mamadas, o que não deve preocupá-la.

Alimentação

A alimentação da mãe pode ser prejudicial à amamentação?

- as mães que amamentam no peito costumam sentir mais fome, por isso comer um pouco mais que o habitual é o suficiente para manter saudável o organismo que está produzindo leite. Além disso, você deve ingerir água, suco de frutas ou outro líquido de acordo com sua sede.
-quanto á sua alimentação, o ideal é que seja bem balanceada e contenha carnes magras, verduras e frutas, evitando-se alimentos gordurosos e controlando-se os temperos.
-não existe alimento que prejudique a qualidade do leite, assim como é falsa a crença de que ingerir muito líquido (como leite de vaca ou cerveja doce) aumenta a produção do leite materno. Por outro lado, o abuso de certos alimentos pode provocar alergia ou cólicas no bebê, como o próprio leite de vaca, café, chá preto, mate, refrigerantes, ovos, amendoim, soja, trigo, peixe, frutas secas, entre outros.
-se você está acostumada a ingerir algum desses alimentos, interrompa temporariamente um de cada vez.
Assim, você saberá se algum deles causa cólica ou alergia.

Bicos artificiais

A introdução de qualquer bico artificial (mamadeira, chuca, chupeta) deve ser evitada a todo custo, pois interfere na sucção do bebê e, portanto, na amamentação. Além disso, os bicos podem causar infecções, devido à dificuldade de limpá-los e esterilizá-los de forma adequada.

Ingurgitamento

-se o peito estiver cheio demais ou mesmo “empedrado”, alguns cuidados precisam ser tomados. O primeiro é massageá-lo com a mão espalmada, em movimentos circulares em toda a mama. Na região da aréola, a massagem produz mais efeito se realizada com dois dedos (indicador e médio). Uma ducha morna nessa hora ajuda a aliviar a dor. Depois da massagem, o passo seguinte é o esvaziamento parcial por meio de ordenha manual.
-só ofereça o peito depois que o esvaziamento tenha sido suficiente para amolecer a aréola.
- com mamas cheias e duras, o bebê não consegue realizar uma boa pega, portanto não consegue mamar direito e provavelmente fissura no mamilo.

Lembretes

- seu bebê não necessita de nenhum outro alimento além do seu leite, até os 6 meses.
-quando for amamentar, não tenha pressa. Relaxe, pois a calma e a tranqüilidade ajudam a produzir mais leite.
-procure alternar posições para amamentar.
-é normal que um dia ou outro você tenha a sensação de estar com menos leite. Não use mamadeira, pois prejudica a amamentação e ajuda a secar seu leite.
-quanto mais o bebê mamar, mais leite será produzido.
-não existe indicação alguma para usar compressas quentes ou frias.
-não há simpatia nem crendice capaz de modificar a quantidade ou qualidade do leite. Alguns exemplos dessas crenças são: a criança arrotar no peito, o leite pingar no chão, a nutriz menstruar, ingerir peixe, entre outras.
-a atividade sexual não interfere na amamentação.
-a maioria dos remédios é compatível com o aleitamento materno.
Mesmo assim, não tome medicamento algum sem orientação médica.
-especialmente à noite, amamentar deitada pode ajudá-la a descansar mais produzir mais leite.
-em caso de dúvidas sobre se o seu leite está sendo suficiente para o bebê, você pode ficar tranqüila se o bebê se mostrar satisfeito após as mamadas, urinar várias vezes ao dia, ganhar peso e crescer adequadamente.
-nem todo choro de bebê significa fome. Pode ser devido a algum desconforto, como fralda suja, calor, frio, cólicas ou, simplesmente, que ele esteja “precisando de colo”.
-cuide de sua saúde com uma alimentação saudável, não fume e evite bebidas alcoólicas.
-tanto quanto o aleitamento, o desmame também é muito importante; deve ser lento e gradual, e não intempestivo. Converse com o pediatra a respeito disso.

               www.fiocruz.br/redeblh
               http://www.ibfan.org/
               http://www.saude.gov.br/




O poder do perdão

Assumir um erro, repudiá-lo e demonstrar arrependimento, de um lado, e ser capaz de afastar a sensação de injustiça causada por uma ofensa, do outro – eis a equação de uma das atitudes morais mais nobres e emocionalmente complexas já criadas pela civilização.
O filósofo americano Charles Griswold, professor da universidade de Boston, estabelece três passos básicos para obter perdão. Primeiro, deve-se assumir a responsabilidade pelo erro.
Segundo, é preciso repudiar claramente esse erro, mostrando que não se pretende repeti-lo.
Terceiro, deve-se exprimir o arrependimento pela dor causada ao próximo.
A transformação pessoal associada ao ato de perdoar ou ser perdoado é positiva não só para as relações humanas, mas também para a saúde dos envolvidos.
“quem não perdoa não se liberta da raiva e revive o erro o tempo todo, o que acaba se tornando uma poderosa fonte de stress”, diz a psicóloga Ana Maria Rossi, da International stress management Association (ISMA-BR).
É no reconhecimento dos erros que se igualam perdão e paz de espírito.

Reportagem de Júlia Crvalho
Revista Veja

Farmacovigilância

Como e por que relatar eventos adversos

O que é
É a ciência e as atividades relativas à detecção, avaliação, compreensão e prevenção dos efeitos adversos e quaisquer
Outros problemas relacionados ao uso de medicamentos, na fase pós-registro (OMS, 2002).

Quais são seus objetivos?
Identificação precoce das reações adversas graves e desconhecidas para reduzir as taxas de morbidade e mortalidade associadas ao uso de medicamentos;
Identificação do aumento da freqüência das reações adversas conhecidas;
Identificação dos fatores e grupos populacionais de risco ás reações adversas;
Avaliação e comunicação dos riscos e benefícios dos medicamentos no mercado;
Promoção do uso racional e segurança de medicamentos.

O que deve ser notificado?
Tudo: é importante que tanto suspeitos de reações adversas não esperadas, quanto às esperadas, ou seja, descritas em bula, sejam notificadas à indústria farmacêutica.

Por que é importante a notificação de eventos adversos?
A notificação de eventos adversos pode reduzir o sofrimento e salvar a vida de milhares de pacientes;
Ela é importante para atualizações das informações nas bulas dos produtos farmacêuticos;
O monitoramento de eventos adversos permite garantir aos pacientes produtos seguros e eficazes.

Quais são as informações mínimas necessárias para a notificação?
Dados do paciente (nome, idade, sexo);
Nome do medicamento suspeito;
Descrição do evento adverso;
Dados do relator (nome e profissão).

Porém, quanto maior o número de informações do paciente e do tratamento, melhor será a avaliação de causalidade do evento adverso com o medicamento.

Como notificar?
A notificação de um evento adverso pode ser feita no momento da visita do representante de vendas ou através de:

Sac.: 0800-55 45 45  (de segunda à sexta, das 8:00 às 17:00h)

E-mail: sac@marjan.com.br

As notificações também podem ser realizadas diretamente:


Faça parte desse processo, notifique!

Para mais informações visite nosso site:
http://www.marjan.com.br/ e clique no link fármaco vigilância

Fonte:
Folder da Marjan indústria e comércio ltda.